O Guia de Lazer já não é actualizado

Leia-nos no Ípsilon, Fugas e Relaxar

Guialazer

Eu vou (0 Pessoas vão a este evento)

Por Susana Pomba

Retrospectiva de um dos mais importantes artistas brasileiros da segunda metade do século XX - Hélio Oiticica.


“O Museu é o Mundo” apresenta-se como a maior retrospectiva do autor, reunindo 117 obras, algumas instaladas no exterior do Museu Colecção Berardo.

 

Apesar da sua morte prematura em 1980, Hélio Oiticica é um importante artista da vanguarda (décadas de 60 e 70), tendo criado dispositivos onde o espectador penetra, vive e experiencia. Presentes na exposição estão obras significativas como “Penetráveis”, ou “Parangolés”, obras que podemos usar no corpo. A exposição “Tropicália”, feita por Oiticica nos anos 60, inspirou e ajudou a consolidar o movimento musical do mesmo nome. Em Lisboa, em 1992, a obra do autor já tinha sido alvo de uma exposição na Fundação Calouste Gulbenkian.