Guialazer

Por Rita Pimenta

O mundo é demasiado grande, "não cabe nesta folha", deu-se conta uma menina persistente. Ainda assim, tentou desenhá-lo.


Começou como sempre se começa um desenho, com um risco. E o risco fez-se traço maior e iniciou caminho, ganhou asas e percorreu mundo. Sempre com a menina a segurá-lo, mas sem o prender, condicionar ou limitar. Apenas garantindo que o risco inicial voltaria para a sua mão quando assim o desejasse.

"O traço sobrevoou terras e mares", descreve a menina que (ainda) não conhecia a palavra "desistir". Mais adiante, "descobriu que a água é sempre a mesma. Quando está cansada de correr, dorme nas nuvens, quando quer brincar, salta para os rios". Uma das suas descobertas (que muito apreciamos) foi: "Aprendeu que os pássaros presos não cantam, choram." O pequeno traço inicial percebeu também que, "se olharmos para onde mais ninguém olha, saberemos o que mais ninguém sabe".

Um livro que valoriza o conhecimento, as artes, a liberdade e a união. O traço "passou por um país onde havia uma palavra mágica para tudo e que tudo fazia acontecer: 'Nós.'".

Adélia Carvalho fundou a livraria Papa-Livros, a editora Tcharan (Porto) e assina vários livros para a infância. Tem um registo simples, claro e terno. O tom bem-humorado também a caracteriza, embora aqui não transpareça, dada a natureza da narrativa.

Sérgio Condeço, que muito enriquece e amplia o texto, começou por ser "designer" e trouxe essa aprendizagem para o domínio da ilustração, a que se dedica desde 2015, tendo sido colaborador da revista "Notícias Magazine". Gostamos das cores, da composição da página, das metáforas visuais e da simpatia dos rostos. Rendemo-nos aos traços (caóticos?) das guardas dos livros e ao pequeno lápis que provocou essa feliz invasão vermelha do espaço.

Na história, a menina há-de puxar o fio que segurava o risco inicial e tímido e dar-se-á conta de que "tinha desenhado o mundo". O nosso.

A Menina Que Queria Desenhar o Mundo
Texto Adélia Carvalho
Ilustração Sérgio Condeço
Edição Nuvem de Letras
40 págs., 12,90€ 

________________ 

Mais Letras Pequenas... Em Casa

Veja também... Letra Pequena, um blogue (quase sempre) sobre livros para crianças e jovens.