Guialazer

Por Rita Pimenta

O medo… esse grande escultor, poder-se-ia dizer sobre este livro, plagiando Marguerite Yourcenar, neste tempo de desconfiança perante o outro.


Uma criança muda de país, de escola, de mundo. E o medo cresce, cresce. A professora não sabe pronunciar o seu nome, a menina não percebe a língua dos outros alunos e, "no fim das aulas, o Medo tem pressa de ir para casa". Adormecer também é difícil: "À noite, no meu quarto novo, o Medo sonha tão alto que não me deixa dormir." 

Francisca Sanna cresceu em Itália, mas vive em Zurique, onde trabalha em edição e ilustração. É mestre em Design, foi finalista e vencedora de vários prémios, um deles pelo livro "A Viagem", também editado em Portugal pela Fábula, em 2018.

A protagonista da história há-de ver o seu medo diminuir e descobrirá que "os outros também têm os seus medos…". Por estes dias, já andará a brincar com os colegas de escola.

A autora deixa numa nota final o agradecimento a todas as crianças que com ela partilharam os seus receios e dedica a obra aos pais, de uma forma sincera e comovente: "Para a minha mãe, que me encorajava a desenhar os meus medos, e para o meu pai, que partilhava alguns dos seus medos comigo."

Francisca Sanna reconhece os seus próprios medos: "Enquanto trabalhava neste livro, às vezes o meu medo ficava terrivelmente grande e agarrava-se a mim com muita força."

"Eu e o Meu Medo" dá-nos uma lição de empatia e de aceitação do outro. Venha de onde vier.

Eu e os Meus Medos
Texto e ilustração Francesca Sanna
Tradução Susana Cardoso Ferreira
Revisão Catarina Magalhães
Edição Fábula /2020 Editora
40 págs., 13,99€ 

________________ 

Mais Letras Pequenas... Aqui Estamos Nós

Veja também... Letra Pequena, um blogue (quase sempre) sobre livros para crianças e jovens.