Guialazer

Por PÚBLICO

Coimbra convida para o segundo Anozero. Lisboa propõe uma noite com James Rhodes.


Anozero
Na segunda edição da Anozero - Bienal de Arte Contemporânea de Coimbra, com curadoria de Delfim Sardo, 34 artistas (18 estrangeiros e 16 portugueses) são convidados a deixar a sua marca na cidade. Dominique Gonzalez-Foerster, Francis Alys, Jimmie Durham, Julião Sarmento, Louise Bourgeois, Matt Mullican e William Kentridge fazem parte da comitiva. "Curar e Reparar" é o tema deste ano. De terça a domingo, das 10h às 18h, até 30 de Dezembro. A entrada é livre (excepto espaços do circuito turístico da Universidade de Coimbra).

An Evening With James Rhodes
James Rhodes é um pianista clássico com um percurso – e modo de tocar – pouco ortodoxo. A sua formação começou tarde. Deu o primeiro recital em 2008. Mas, a partir daí e do disco "Razor Blades, Little Pills and Big Pianos", veio o sucesso. Dois anos depois, assinava pela etiqueta de rock Warner Brothers. Foi também colunista em jornais ingleses. E tem uma autobiografia onde explica, por exemplo, por que foi internado num hospital psiquiátrico. "Instrumental: An Evening With James Rhodes" dá o nome ao serão marcado para hoje, às 21h, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa. O encontro está integrado no Misty Fest, os bilhetes custam entre 20€ e 50€.