Guialazer

Por Rita Pimenta

Muitos se lembram da campanha Salvemos o Lince da Serra da Malcata (final do anos 1970) e que este livro invoca. A obra alerta para a ameaça de extinção de que o lince-ibérico é vítima há muito tempo. Agora, ele pede-nos ajuda na primeira "pessoa".


"Eu Sou o Lince-Ibérico" mereceu menção especial no Prémio Nacional de Ilustração deste ano. O júri, de que fizemos parte (com Susana Lopes Silva, Escola Superior de Educação do Porto, e Vera Oliveira, Direcção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas), salientou "a importância do investimento nas obras de divulgação de cariz científico dirigidas aos mais jovens, não descurando uma componente estética". Foi valorizada a recuperação do "uso do póster como tributo à adolescência, dando nova função à sobrecapa". Didáctico, bonito e com rigor científico são atributos que raramente convivem num só livro.

Acresce a tudo isto uma acção solidária, numa moeda com o lince, "que espera" que em 2022 existam mais de 500 elementos da sua espécie em liberdade. Apelo: "Compra a moeda a que dou a cara, ou melhor, o meu focinho, assim como este livro, para que no futuro eu não exista apenas em fotografias ou filmes." Não custa muito, pois não? 

Eu Sou o Lince-Ibérico - O Felino mais Ameaçado do Mundo
Texto | Maria João Freitas
Ilustração | Tiago Albuquerque e Nádia Albuquerque
Direcção de arte | Pato Lógico
Edição |  Imprensa Nacional-Casa da Moeda
48 págs., 10€

____________________

Mais Letras Pequenas...
Tão, tão Grande

Veja também...
Letra Pequena, um blogue (quase sempre) sobre livros para crianças e jovens.