Guialazer

Museu de Évora

Por Paulo Ricca

Votos dos Leitores


Média da votação dos leitores, num total de 1 votos
(carregue na posição pretendida para votar)


16.01.01 Por PÚBLICO

Fechado desde 2004, o museu, instalado no antigo Paço Arquiepiscopal, um edifício do século XV, reabriu no dia 29 de Junho de 2009. As obras de remodelação do museu, cuja glória reside no retábulo da Virgem - 13 painéis flamengos de 1500, únicos no mundo -, estiveram a cargo do arquitecto Raul Hestnes Ferreira.


Do seu acervo fazem parte obras de pintura, peças arqueológicas e numismática da colecção do arcebispo D. Frei Manuel do Cenáculo, os espólios de igrejas e de conventos extintos e algumas peças de estações arqueológicas da região.
Integra ainda a colecção uma inscrição em pedra de André de Resende e algumas doações recentes, entre as quais o legado Barahona. As 13 pinturas do antigo retábulo flamengo da Sé de Évora, a recente aquisição de uma pintura de Álvaro Pires, a colecção de pintura sacra quinhentista e de retratos dos séculos XVII e XVIII, um belíssimo tríptico de Limoges e escultura romana e renascentista constituem o espólio mais relevante do museu.



Última actualização a 11-10-2012
Se algum destes dados não estiver correcto, diga-nos.