Guialazer

Eu vou (0 Pessoas vão a este evento)

Por PÚBLICO

Depois de Daniel Blaufuks e Hugo Canoilas, é Miguel Soares (n.1970, Braga) o artista desafiado pela bienal MNAC Sonae Art Cycles. Responde com um projecto expositivo inédito, no terreno das artes visuais, que assenta, nas palavras da curadora, Adelaide Ginga, "numa visão futurista da sociedade que explora o conceito da automação e da inteligência artificial no contexto da Era Tecnodigital e da quarta Revolução Industrial".