Guialazer

Eu vou (0 Pessoas vão a este evento)

Trabalho escultórico inédito de Manuel Baptista, projectado durante as décadas de 60 e 70 e só agora concretizado. Até 15 de Maio no Museu da Electricidade, em Lisboa.


Um "raro momento histórico". É assim que o comissário João Pinharanda define a descoberta de uma nova faceta de Manuel Baptista (n.1936, Faro), um autor que, aos 75 anos, já tinha a sua obra, composta por desenho e pintura, definitivamente classificada. Numa reviravolta, surge agora com vários trabalhos escultóricos nunca antes vistos. Os temas e as formas são comuns aos trabalhos conhecidos pelo público, mas a escolha de materiais - como o neón, alumínio ou plexiglass - e a alteração de escalas enfatiza, segundo Pinharanda, a pertinência histórica destas obras. A par das esculturas são também exibidos os muitos cadernos de estudo que permitem ao público compreender o pensamento do artista.

PÚBLICO