Guialazer

Eu vou (0 Pessoas vão a este evento)

Por Sílvia Pereira

O percurso da coreógrafa Anne Teresa de Keersmaeker tem sido marcado pelo encontro entre a dança e a música. E Bach tem sido uma das inspirações. Este espectáculo é um regresso ao repertório do compositor alemão – que, para a criadora belga, "combina a maior das abstracções com uma dimensão concreta, física e, por conseguinte, até transcendental".


Aos 18 bailarinos da sua companhia, Rosas, junta-se a B'Rock Orchestra na interpretação musical. A direcção é da violinista e maestrina francesa Amandine Beyer, especialista em música barroca que já trabalhara com Keersmaeker (e Bach) em "Partita 2".