Guialazer

Eu vou (0 Pessoas vão a este evento)

Por PÚBLICO

André Braga e Ainhoa Vidal interpretam um dueto em registo de intimidade, traduzindo para o palco, através da interacção com diferentes materiais, os versos e reversos da relação entre um homem e uma mulher.


O casal move-se então por entre matérias que podem ser paus, pétalas, pedras, ruínas, pó, etc. Estas representam "a desagregação de um país, de uma vida, de uma relação". Neste contexto, o amor, com os seus gestos silenciosos, as suas mágoas e as suas contradições, acaba por se configurar como um símbolo de esperança.

Com direcção artística de André Braga e Cláudia Figueiredo, o espectáculo resulta de uma co-produção da Circolando, do Centro Cultural Vila Flor, do Teatro Nacional São João e do Teatro Municipal São Luiz. 

Se algum destes dados não estiver correcto, diga-nos.

Votos dos Leitores


Média da votação dos leitores, num total de 0 votos
(carregue na posição pretendida para votar)