Guialazer

Eu vou (0 Pessoas vão a este evento)

Por PÚBLICO

"Tem a delicadeza, mas também o elemento demoníaco. Nunca ouvi nada assim", disse ao "New York Times" Martha Argerich sobre Daniil Trifonov, uma das maiores revelações recentes do piano. Depois de alguns recitais em nome próprio, regressa para se juntar à Orquestra Gulbenkian num programa preenchido por peças de Rautavaara, Schumann e Sibelius. A batuta é do maestro finlandês Hannu Lintu.